Você está aqui: Página Inicial > Notícias > ANA promove discussão sobre a crise hídrica dos últimos seis anos nesta terça (19)

Notícias

ANA promove discussão sobre a crise hídrica dos últimos seis anos nesta terça (19)

por Raylton Alves - ASCOM/ANA publicado: 18/03/2019 16h39 última modificação: 19/03/2019 00h36

O Dia Mundial da Água acontece na próxima sexta-feira, 22 de março. Antes disso, a Agência Nacional de Águas (ANA) inicia a celebração à data nesta terça-feira, dia 19. Durante todo o dia, a Agência reunirá especialistas para debater crises hídricas que vêm acontecendo no Brasil nos últimos seis anos em diversas regiões, sendo que as cheias do Madeira e a seca do São Francisco serão discutidos. O evento é aberto ao público e acontecerá das 8h30 às 17h30 no Auditório Flávio Terra Barth, na sede da ANA em Brasília. As inscrições podem ser realizadas via internet

Na abertura do evento 6 Anos de Crise Hídrica: Lições Aprendidas e Perspectivas Futuras, os membros da Diretoria Colegiada da Agência – Christianne Dias, Marcelo Cruz, Ney Maranhão, Oscar Cordeiro e Ricardo Andrade – farão uma avaliação sobre as crises hídricas e sobre a segurança hídrica no País. 

O primeiro painel acontecerá às 10h05 e abordará os Seis Anos de Crise Hídrica: Lições Aprendidas e Perspectivas Futuras – As Cheias do Rio Madeira. Quatro especialistas falarão sobre o tema: o coordenador de Regulação da ANA, André Pante; o chefe do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (CENAD), Armin Braun; o procurador do Estado do Acre em Brasília, Armando Melo; e o coordenador da Sala de Situação da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental de Rondônia (SEDAM), Fábio Saraiva. 

Com foco na seca na bacia hidrográfica do rio São Francisco, o gerente de Recursos Hídricos e Meteorologia da Diretoria de Operação do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), Vinicius Rocha, abordará as lições aprendidas e perspectivas futuras para a bacia do Velho Chico. O outro convidado para falar sobre o tema a partir das 11h será o presidente interino da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (CODEVASF), Marco Aurélio Diniz. 

Às 14h30 será a vez do professor Francisco de Assis de Souza Filho apresentar palestra a respeito da Segurança Hídrica em um Mundo de Mudanças. O acadêmico atua no Departamento de Engenharia Hidráulica e Ambiental da Universidade Federal do Ceará (UFC). No encerramento da programação, às 16h, o painel sobre a Conceituação da Crise Hídrica contará com apresentações dos professores Francisco de Assis de Souza Filho juntamente com Paulo Canedo, que atua no Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (COPPE/UFRJ). 

Produtor de Água na bacia do Descoberto e lançamento da publicação ODS 6 no Brasil: visão da ANA sobre os indicadores 

Em 22 de março, na barragem do Descoberto, na divisa do Distrito Federal e Goiás, acontecerá a assinatura do Acordo de Cooperação do Projeto Produtor de Água na Bacia do Descoberto, que segue a metodologia do Programa Produtor de Água, implementado pela ANA em 2001. Com isso, o principal manancial utilizado para o abastecimento do DF passará a ser beneficiado com ações de conservação de água e solo na bacia hidrográfica a serem implementadas pelos produtores rurais que forem selecionados para receber os recursos desta ação de pagamento por serviços ambientais (PSA). 

Ainda na sexta-feira, via internet, a Agência Nacional de Águas realiza o lançamento da publicação ODS 6 no Brasil: visão da ANA sobre os indicadores. A transmissão será realizada via redes sociais e por meio do site da Agência e marcará o encerramento da campanha #AÁguaéumasó.

Assessoria de Comunicação Social (ASCOM)
Agência Nacional de Águas (ANA)
(61) 2109-5129/5495