Você está aqui: Página Inicial > Notícias antigas > Programa de Formação Iberoamericano em Matéria de Água começa o ano com curso de Hidrogeologia no Uruguai

Programa de Formação Iberoamericano em Matéria de Água começa o ano com curso de Hidrogeologia no Uruguai

por ASCOM/ANA publicado 12/03/2010 00h00, última modificação 14/03/2019 16h40
Curso organizado pela ANA em parceira com a Codia, Aecid e SRHU será realizado entre os dias 22 e 26 de março em Montevidéu e estará focado em ampliar os conhecimentos sobre águas subterrâneas.

Curso será realizado entre os dias 22 e 26 de março em Montevidéu e estará focado em ampliar os conhecimentos sobre águas subterrâneas

A cidade de Montevidéu, no Uruguai, será a sede de do curso “Hidrogeogia III” entre os dias 22 e 26 de março. O curso faz parte do “Programa de Formação Iberoamericano em Matéria de Águas”, organizado pela Conferencia dos Diretores Gerais Iberoamericanos de Água (Codia) e pela Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento (Aecid), Ministério dos Assuntos Exteriores e de Cooperação da Espanha. A Agência Nacional de Águas (ANA) e a Secretaria de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano do Ministério do Meio Ambiente (SRHU/MMA) são responsáveis pelas áreas sob coordenação brasileira.

O Programa foi criado para atender a demanda por formação e capacitação em planejamento e gestão de recursos hídricos dos países iberoamericanos e foi elaborado a partir de uma pesquisa realizada com 16 países e aprovado pela VII Codia, em 2007.

O curso “Hidrologeologia” é o primeiro curso do ano realizado pelo Programa de Formação Iberoamericana em Matéria de Águas. Em 2009, foram realizadas duas edições do curso “Clima e Eventos Extremos”, elaborado pela ANA – sendo uma em julho, em La Antigua, na Guatemala, e outra em novembro, em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. Um dos objetivos do curso é consolidar e ampliar os conhecimentos sobre as águas subterrâneas, considerando os impactos na qualidade e quantidade delas em conseqüências das variações climáticas locais, regionais e mundiais, assim como definir os riscos, a vulnerabilidade e a contaminação das águas subterrâneas.

As palestras serão em espanhol e os participantes são técnicos das diferentes instituições integradas pela Codia, professores de instituições relacionadas ao tema água, professores universitários e titulares de disciplinas relacionadas com o setor de recursos hídricos e água, e também preferencialmente geólogos, hidrólogos, geógrafos e especialistas em águas subterrâneas.

A coordenação do curso é feita pelo especialista e pesquisador cubano Arturo Elpidio González Báez, da Empresa de Pesquisa, Projetos e Engenharia (GEIPI, sigla em espanhol) e do Instituto Nacional de Recursos Hidráulicos (INRH).

Mais informações sobre o Programa estão no Portal da Capacitação

Texto:ASCOM/ANA