Você está aqui: Página Inicial > Notícias antigas > Prefeito de Mogi das Cruzes pede apoio da ANA para barrar implantação de aterro sanitário

Prefeito de Mogi das Cruzes pede apoio da ANA para barrar implantação de aterro sanitário

por ASCOM/ANA publicado 20/06/2007 00h00, última modificação 14/03/2019 16h36
Em reunião na tarde de hoje (20/6) com o diretor-presidente da Agência Nacional de Águas (ANA), José Machado, o prefeito de Mogi das Cruzes, Junji Abe, e o deputado estadual Luiz Carlos Gondim Teixeira (PPS) pediram o apoio da ANA para tentar impedir a implantação do aterro sanitário regional no di
Em reunião na tarde de hoje (20/6) com o diretor-presidente da Agência Nacional de Águas (ANA), José Machado, o prefeito de Mogi das Cruzes, Junji Abe, e o deputado estadual Luiz Carlos Gondim Teixeira (PPS) pediram o apoio da ANA para tentar impedir a implantação do aterro sanitário regional no distrito do Taboão. O encontro contou também com a presença do senador Leomar Quintanilha (PMDB-TO), presidente da Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA).

Para sensibilizar para o perigo da instalação do aterro, Abe entregou documentos que retratam questões jurídicas, ambientais e sociais do empreendimento. Segundo ele, a instalação do aterro ignora determinações do Ibama e do Incra e pode implicar diversos prejuízos, como a contaminação do aqüífero Taubaté e de afluentes do rio Paraíba do Sul. “A população carioca, abastecida por esse rio, seria bastante prejudicada”, afirmou o prefeito.

Machado comprometeu-se a avaliar a competência e a autoridade da ANA para lidar com esse caso específico. “A partir de avaliações técnicas e jurídicas, poderemos definir como será a atuação da Agência”, resumiu o diretor-presidente da Agência.