Você está aqui: Página Inicial > Notícias antigas > Oposição quer anular indicação para Agência Nacional de Águas

Oposição quer anular indicação para Agência Nacional de Águas

por Folha de S. Paulo publicado 16/04/2010 00h00, última modificação 14/03/2019 16h41
Líderes da oposição acusaram ontem, em plenário, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), de agir de 'má-fé para ludibriá-los' e aprovar a indicação de Paulo Rodrigues Vieira para a diretoria da ANA (Agência Nacional de Águas), rejeitada pelo plenário em 2009 com apoio de governistas.

Líderes da oposição acusaram ontem, em plenário, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), de agir de "má-fé para ludibriá-los" e aprovar a indicação de Paulo Rodrigues Vieira para a diretoria da ANA (Agência Nacional de Águas), rejeitada pelo plenário em 2009 com apoio de governistas.

DA SUCURSAL DE BRASÍLIA

Sarney colocou uma nova votação na pauta anteontem, a pedido do líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR), quando o plenário se preparava para analisar indicações para tribunais. Alguns senadores afirmaram que não perceberam a manobra e aprovaram Vieira sem saber.

A assessoria de Sarney informou que o senador nega ter agido de má-fé. Ele diz ter falado com os líderes ontem para esclarecer que só colocou o assunto em votação porque tinha sido informado de que havia acordo.

Os senadores Arthur Virgílio (PSDB-AM) e José Agripino (DEM-RN) encaminharam à Mesa recurso para anular a nova votação.

Texto:Folha de S. Paulo