Você está aqui: Página Inicial > Notícias antigas > Debatedores criticam PEC que regulamenta gestão de águas subterrâneas

Debatedores criticam PEC que regulamenta gestão de águas subterrâneas

por Fonte: Agência Senado publicado 23/03/2010 00h00, última modificação 14/03/2019 16h40
Em debate na Comissão do Meio Ambiente e Defesa do Consumidor (CMA), o senador Renato Casagrande (PSB-ES) apontou 'um raro consenso' entre os expositores - todos consideraram ineficiente a mudança de titularidade da maior parte das águas subterrâneas em favor da União, expressa pela PEC 43/00.
Em debate na Comissão do Meio Ambiente e Defesa do Consumidor (CMA), o senador Renato Casagrande (PSB-ES) apontou "um raro consenso" entre os expositores - todos consideraram ineficiente a mudança de titularidade da maior parte das águas subterrâneas em favor da União, expressa pela PEC 43/00.

Para os três convidados da audiência que discutiu o gerenciamento das águas superficiais e subterrâneas do Brasil, a medida é incapaz de resolver os problemas de gestão das águas no país.
 
- Diante dessa sintonia de opiniões, decidi apresentar parecer contrário à PEC, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), e defender que os aperfeiçoamentos necessários ao setor se façam no âmbito da Lei 9.433/1997 ou até mesmo através de resoluções do Conselho Nacional de Recursos Hídricos - afirmou Casagrande.
 
Participaram do debate na CMA o diretor da Agência Nacional De Águas (ANA), Paulo Varella, o presidente da Associação Brasileira das Águas Subterrâneas, Everton Luiz da Costa Souza, e Breno Lasmar, representando o Instituto Nacional de Gestão das Águas e clima.
 
 
Texto:Fonte: Agência Senado